TRABALHADORES DO SABOÓ RECLAMAM DA DISTRIBUIÇÃO DA VERBA DO PCS

Trabalhadores do Saboó reclamam da distribuição da verba do PCS

O Departamento Jurídico do Sintius estuda a possibilidade de ingressar com uma ação judicial contra a Sabesp por conta da falta de transparência na distribuição da verba relacionada ao Plano de Cargos e Salários (PCS).
Durante reunião setorial realizada na manhã desta quarta-feira, dia 27, na unidade do Saboó, em Santos, os trabalhadores reclamaram dos critérios adotados pela empresa e se sentiram prejudicados.
Os companheiros exigem que o superintendente da companhia na Baixada Santista, Sérgio Bekerman, se manifeste sobre o tema. Um representante da Sabesp deverá conversar com os trabalhadores para apresentar as justificativas da empresa.