Logo FTIUESP Logo Forca Sindical  CNTI LOGO2

COLÔNIA DE FÉRIAS - INSCRIÇÕES ABERTAS PARA O PERÍODO DO FERIADO DO MÊS DE SETEMBRO

Colonia de Ferias feriado setembroED

TRABALHADORES DA SABESP TÊM ATÉ O DIA 30 PARA DECIDIR POR PLANO SABESPREV

TRABALHADORES DA SABESP TÊM ATÉ O DIA 30 PARA DECIDIR POR PLANO SABESPREV

Os trabalhadores da Sabesp têm até o dia 30 de agosto para decidir se migram para o Plano Sabesprev Mais (CD) ou se permanecem no Plano de Benefícios Básicos (CD). Para ajudar na decisão, a Diretoria do nosso Sindicato contou a colaboração de Keyton Pedreira, consultor previdenciário, que, voluntariamente, fez uma palestra e esclareceu dúvidas, em apresentação que ocorreu no dia 26 de agosto, na Sede do Sintius, em Santos.

Keyton Pedreira iniciou a apresentação com um breve histórico da evolução do déficit do atual plano previdenciário da Sabesprev e as discussões que ocorreram desde 2001, com o ápice das negociações em 2009, até chegar a essa solução que, na opinião dele, tem um impacto forte para quem paga o plano previdenciário e o outro abalo para quem recebe aposentadorias.

Na oportunidade, keyton comentou sobre a gestão da Sabesprev, respondendo a questões dos trabalhadores presentes, e abordou sobre previdência social também, sempre com o objetivo de ajudar a refletir pela melhor opção. Embora tenha enfatizado que a decisão é muito pessoal, porque envolve diversos fatores, inclusive aspectos familiares, para fazer a escolha.

Keyton também sugeriu duas lutas para os dirigentes sindicais na defesa dos direitos dos trabalhadores a ser iniciada imediatamente, independente do fim do prazo de migração: defender a parcela do déficit num prazo maior para quem ficar no BD e o pagamento do déficit da empresa de 85% para quem optou pelo Plano Sabesprev Mais (CD), ao invés de apenas 60% como será feito.

keyton sabesprev

A Diretoria do Sindicato agradeceu ao Keyton Pedreira a disposição de ajudar os trabalhadores.

PREVIDÊNCIA: PALESTRA SOBRE PLANO SABESPREV, DIA 26/08, ÀS 16 HORAS, NA SEDE. COMPAREÇA!

Palestra Sabesprev no Sintius

SINDICATO FAZ RECADASTRAMENTO PARA NOVO SISTEMA DA CESTA BÁSICA ELETROPAULO - CPFL

cesta basica da eletropaulo

SABESPREV FAZ REUNIÃO NESTA SEXTA-FEIRA (12), EM SANTOS, SOBRE PROCESSO DE MIGRAÇÃO DO PLANO PREVIDENCIÁRIO

SABESPREV FAZ REUNIÃO NESTA SEXTA-FEIRA (12), EM SANTOS, SOBRE PROCESSO DE MIGRAÇÃO DO PLANO PREVIDENCIÁRIO

Será realizada nesta sexta-feira, dia 12, a partir das 10 horas, uma reunião dos técnicos da Sabesprev com os trabalhadores da Sabesp para explicar a situação dos planos previdenciários e tirar dúvidas sobre o processo de migração dos planos. O encontro ocorrerá em um dos auditórios da Unip Santos, que fica na Avenida Francisco Manoel, s/nº, Vila Mathias.

Do dia 18 ao dia 30 deste mês será possível fazer a migração da modalidade Benefício Definido (BD) - que apresenta um grande déficit atuarial - para o plano Sabesprev Mais.

Por ser um período muito curto, os representantes do Sintius e do Sintaema estarão nesta quinta-feira com integrantes da Superintendência Nacional de Previdência Complementar (Previc) para pedir um tempo maior para a categoria optar pela migração de plano, já que a decisão é irreversível.

Além disso, o Sindicato vai pleitear que a Sabesp aumente o percentual de incentivo para o pagamento do déficit individual, que está hoje na casa de 60%.

Recomendação

Antes de tomar qualquer decisão, é recomendável a leitura dos materiais enviados e disponíveis no site www.sabesprev.com.br. Já está à disposição dos interessados o simulador de migração no portal da Sabesprev.

Uma equipe também está de plantão para tirar dúvidas pelo telefone 0800-055-1827. As pessoas que já estão no plano Sabesprev Mais não precisam tomar nenhuma ação nesse processo.

sabesprev 03

Sabesprev apresentou o novo sistema previdenciário em reunião ocorrida no dia 4

ATENDIMENTO DA FUNDAÇÃO CESP NO SINTIUS SERÁ NO DIA 31 DE AGOSTO DAS 9 AS 17 HS

Fundacao Cesp no Sintius agosto

COLÔNIA DE FÉRIAS FECHA NO MÊS DE AGOSTO E RETORNA ÀS ATIVIDADES EM SETEMBRO

agosto colonia de ferias 2016

FUNDACENTRO REALIZA PALESTRA SOBRE APOSENTADORIA ESPECIAL NO SINTIUS

FUNDACENTRO REALIZA PALESTRA SOBRE APOSENTADORIA ESPECIAL NO SINTIUS

O Sindicato dos Urbanitários de Santos e Região (Sintius) receberá no dia 5 de agosto a palestra sobre Aposentadoria Especial e as Situações de Insalubridade, Periculosidade e Penosidade.

A iniciativa faz parte do ciclo de palestras promovido pelo escritório regional da Baixada Santista da Fundação Jorge Duprat Figueiredo de Segurança e Medicina do Trabalho (Fundacentro) e busca difundir o conhecimento em Saúde e Segurança do trabalhador.

Gratuito, o evento é aberto ao público e está programado para ter início às 9h30. Para participar, basta trazer 1 kg de leite em pó. O produto será revertido para uma instituição de caridade.

Os interessados em acompanhar a palestra devem fazer a inscrição pelo site da Fundacentro (www.fundacentro.org.br). Dúvidas podem ser sanadas pelos telefones (11) 3066-6323 ou 3066-6368.

folder fundacentro

TRABALHADORES DA CPFL PIRATININGA TERÃO REAJUSTE SALARIAL DE 9,32%

TRABALHADORES DA CPFL PIRATININGA TERÃO REAJUSTE SALARIAL DE 9,32%

Os trabalhadores da CPFL Piratininga da Baixada Santista aprovaram, por maioria de votos, a nova proposta de Acordo Coletivo de Trabalho (ACT) da empresa sugerida pelo Tribunal Regional do Trabalho (TRT) na tarde da última terça-feira, dia 26, durante a terceira audiência de instrução e conciliação entre as partes. A decisão foi tomada na noite da última terça-feira, dia 26, na sede do Sindicato dos Urbanitários de Santos e Região (Sintius).

Os funcionários da concessionária de energia elétrica terão um reajuste salarial de 9,32% (retroativo ao mês de junho). O mesmo percentual foi aplicado para a correção dos benefícios, com exceção do vale-Natal, que terá um aumento de 15%.

Ficou estabelecida ainda a manutenção das demais cláusulas do ACT anterior e a garantia mínima de reajuste salarial, para aplicar em junho de 2017, com base na inflação acumulada nos 12 meses anteriores aferida pelo IPCA.

Greve

Para superar a intransigência por parte da CPFL nas negociações do ACT, os trabalhadores da CPFL deflagraram uma greve de seis dias na Baixada Santista (dos dias 13 a 18 deste mês). Sob a organização da Diretoria do Sintius, o movimento paredista ocorreu de forma tranquila e não gerou transtornos à comunidade da região.

Na audiência de instrução e conciliação no TRT, ficou estabelecido que os trabalhadores farão uma compensação de 3 dias em razão da paralisação deflagrada neste mês.

act cpfl 2016